Aprendendo a Palavra de Deus

Aprendendo a Palavra de Deus
OS CAMINHOS DA ORAÇÃO: E disse-me um dos anciãos: Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, que venceu, para abrir o livro e desatar os seus sete selos. E olhei, e eis que estava no meio do trono e dos quatro animais viventes e entre os anciãos um Cordeiro, como havendo sido morto, e tinha sete pontas e sete olhos, que são os sete espíritos de Deus enviados a toda a terra. E veio, e tomou o livro da destra do que estava assentado no trono. E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos. E cantavam um novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro, e de abrir os seus selos; porque foste morto, e com o teu sangue nos compraste para Deus de toda a tribo, e língua, e povo, e nação; E para o nosso Deus nos fizeste reis e sacerdotes; e reinaremos sobre a terra. E olhei, e ouvi a voz de muitos anjos ao redor do trono, e dos animais, e dos anciãos; e era o número deles milhões de milhões, e milhares de milhares, Que com grande voz diziam: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber o poder, e riquezas, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e ações de graças. E ouvi a toda a criatura que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que estão no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas ações de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre. E os quatro animais diziam: Amém. E os vinte e quatro anciãos prostraram-se, e adoraram ao que vive para todo o sempre. Apocalipse 5:5-14

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Nestes momentos de reflexão, é que encontramos novos caminhos, e nos renovamos para conquistas, e novas vitórias e tempo de se renovar e perdoar!













Momentos para refletir sobre a semeadura!

É dezembro mês do nascimento do Senhor,
Momento que podemos refletir no que passou,
O que fizemos com os talentos que recebemos,
Se multiplicarmos ou se apenas o mantemos.


Todos nós recebemos vários talentos,
Essa unção vem do trono do Criador,
Eles servem para que possamos semear,
E com eles podemos em tudo multiplicar.

Uns recebem como talento o dom da Fé,
Esse quando usa com certeza nada lhe faltará,
Porque a fé nos traz a certeza das vitórias,
Somente devemos semear e com certeza colherá.

A outros o dom da sabedoria recebem,
E com ela tudo conquistará,
Passam a progredir e ter tudo o que quer,
Porque com ela nada te faltará.

Para você o Senhor reservou o dom do amor,
Com ele terás tudo, felicidade, sabedoria e fé,
Esse dom é tirado da principal fonte do Senhor,
Onde essa essência é para a salvação de quem crê.

João Martins


















Um comentário: